A Cela Nova é uma velha freguesia rural amarrada no passado mas que precisa de saltar para o futuro. Queremos fazer deste sítio um espaço de reflexão sobre a nossa terra ....
Sexta-feira, 5 de Outubro de 2007
Noticia: Assembleia de Freguesia
Assembleia de Freguesia sem ordem do dia
Sem nada para discutir, votar ou aprovar no período da Ordem do Dia teve lugar, no passado dia 29 de Setembro, no Centro Cultural e Recreativo do Casal dos Ramos, uma Assembleia da Freguesia da Cela que revela a parelesia em que vive a Junta desta freguesia. Não tinham nada a comunicar a Assembleia, sabendo-se que são muitos e variados os problemas da freguesia. Porém o órgão executivo, no alto do seu poleiro, vegeta à sombra do obscuro poder absoluto em que fazem o que entendem (e não entendem nada) e nada comunicam à Assembleia vá-se lá saber porquê.
Centro Escolar a caminho do deserto
A Carta Escolar do concelho de Alcobaça recentemente aprovada é um atrofio, um mau documento de planeamento que trará graves problemas no futuro do concelho e também da nossa freguesia. Feita por arquitectos, assistentes sociais, e sem que entre os seus autores se contem professores nem sociologos, esta aberração ordena o fecho das várias escolas existentes na freguesia. Grave é que em todas as escolas do 1º ciclo se tem vindo a gastar bastante dinheiro em obras de conservação. Mas a curto prazo, o senhor Presidente da Câmara, vai tirar um coelho da cartola, e vai dizer que o QREN, comtempla uma avultada verba para construir um novo centro Escolar da Freguesia da Cela. Este centro obriga ao fecho das outras escolas que vão ficar abandonadas.
Grave é que este Centro Escolar se vai localizar no deserto.
Entendemos apresentar uma moção de Rejeição da Carta Escolar do Concelho de Alcobaça, porque este documento se torna prejudicial para a população estudantil e para a população da freguesia da Cela porque:
 
1º - Critério de distância
É inconcebível o fecho da Escola do 1º Ciclo e Jardim de Infância do Casal dos Ramos, porque estas servem um importante núcleo populacional da freguesia, numa zona de influência vasta que distam da sede da freguesia. Obrigar as crianças do Casal do Ramos e lugares vizinhos a deslocarem-se para a sede da freguesia é uma maldade para com as crianças e um penalizador castigo para os pais;
 
2º - Critérios pedagógicos e de instalações
Não existem razões pedagógicas ou logísticas que sirvam de argumento para fechar o Jardim de Infância e a Escola do 1º Ciclo, porque estas reúnem as condições necessárias para prestar ensino de qualidade próximo da residência das crianças;
 
3º - Péssima localização para o futuro Centro Escolar
O Centro Escolar que a Câmara quer construir na freguesia da Cela está proposto para um sítio ermo e descampado afastado do núcleo urbano da Cela, e para onde não é previsível que a sede da freguesia venha a crescer nas décadas mais próximas. Pelo que as crianças ficam num sítio sem segurança nem protecção. Exige-se que o Centro Escolar venha a ser localizado mais próximo da área urbana;
 
4º - Centro Escolar não serve a freguesia
Um Centro Escolar que apenas venha a acolher as crianças do ensino pré-primário e do 1º Ciclo não serve os interesses da freguesia da Cela apenas contribuiu para que a nossa freguesia continue a ser uma freguesia dependente e carente. A freguesia da Cela necessita de um Centro Escolar com jardim de infância, 1º e 2º ciclos, que sirva a população escolar e que possa potenciar o desenvolvimento da freguesia. Pretende-se que as crianças possam frequentar durante mais anos a escola na sede da freguesia sem terem que se deslocar para outras freguesia;
 
5º - Violência da rede educativa
A Rede Educativa que obriga a que as escolas da freguesia da Cela sejam integradas no Agrupamento de Escolas de S. Martinho do Porto é uma violência física, e de identidade cultural. É uma violência física pois as famílias por ligação afectiva e cultural estão ligadas a Alcobaça e não têm qualquer vinculo ou forma que as ligue a S. Martinho do Porto, além de que fica mais distante uma criança do Casal dos Ramos ou Murteira ser deslocada para S. Martinho. Esta situação poderá, no futuro obrigar os pais a estratagemas para terem os seus filhos nas escolas da sede de concelho e não naquela para onde são obrigados a ir. E é uma violência cultural pois a tendência deveria ser no sentido de favorecer e projectar a ligação à sede de concelho e não a freguesias periféricas que potenciam a ligação das pessoas da freguesia a aproximarem-se mais do concelho de Caldas da Rainha;
 
Porque se entende que a freguesia da Cela sai claramente prejudicada a Assembleia de freguesia entende rejeitar o documento e pedir à Câmara Municipal que reaprecie o documento.
 
 Contudo esta moção viria a ser rejeitada pela maioria. A justificação é simples concordam com tudo, mas não aceitam que se critique e que se rejeite o local previsto para o Centro Escolar. Lá saberão porque.
Contudo não há razões ou argumentos nem de crescimento demográfico, nem sociologico, nem tão pouco é previsivel o crescimento do aglomerado populacional da Cela nesta direcção.


publicado por Joaquim Marques às 12:08
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De sophiamar a 9 de Novembro de 2007 às 20:27
Embora não tenhas os blogues muito actualizados serves-te da internet para nos dar a conhecer a tua região e os seus problemas. Utilizar a net, prestando um serviçp público aos seus conterrâneos é francamente positivo.

Beijinhossss


Comentar post

mais sobre nós
pesquisar
 
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
18
19

20
21
22
23
24
25

27
28
29
30


posts recentes

25 de Abril

Noticia

Notícia

Noticia

Voltei ....

Noticia: Assembleia de Fr...

Noticia: perigo na estrad...

Noticia: Esgoto escorre n...

Notícia

Noticia

arquivos

Abril 2008

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds